quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Carros de época e tendência do Mercado

Ao contrário do que muita gente acredita, o mercado de veículos de época é bastente promissor e cresce a níveis vistos por todos os cantos do país



O termo antigomobilista surgiu para identificar aqueles que apreciam e possuem carros antigos. Geralmente são avessos a conjugar verbos como vender, trocar ou negociar, quando se trata de objetos de sua paixão. Mas existe uma pequena classe diferenciada entre os apaixonados. São aqueles que curtem mais o processo da restauração que o próprio carro pronto. Tão logo terminam a renovação, já encaram o próximo projeto de ressurreição. "Normalmente, fico com o carro restaurado no máximo um mês e já vendo para comprar outro e começar tudo outra vez", diz o empresário Marcelo Bonfogo, conhecido como Zero. Com 22 modelos revitalizados no "currículo", Zero se especializou em modelos das décadas de 60 e 70, com atenção especial para a marca Dodge. Ver artigo




Nenhum comentário:

Postar um comentário